Diferença entre leave-in e creme para pentear

Algumas meninas perguntaram a diferença entre leave-in e creme para pentear (ou condicionador sem enxágue). Na verdade, não existe diferença alguma. É o mesmo produto com nomes diferentes: um em inglês e outro em português.

O leave-in foi lançado no final dos anos de 1990 e considero uma das invenções de maior impacto para o segmento de cabelos étnicos.  Antes do leave-in o que nos restava? Pomadas pesadas e ceras a base de petróleo que deixavam o cabelo gorduroso.

Alguém se lembra do Óleo de Lavanda Bourbon? Pois era o que eu usava. Passava nos cabelos após a lavagem, ou antes de passar a chapinha. Deixava um cheiro maravilhoso nos fios, mas era a única alternativa (sei que a Ikesaki ainda vende este óleo).

O que o leave-in tem de bom?

– É um produto que altera a aparência do cabelo crespo, deixando-o muito mais maleável

– Controla o ressecamento dos fios, devolvendo oleosidade natural perdida entre as lavagens

– Nutre e revitaliza cabelos danificados, porque contem proteínas, vitaminas, extratos de frutas e óleos essenciais

– Protege os fios contra os danos do meio ambiente

– Deixa o cabelo mais fácil de desembaraçar

– E o melhor de tudo: possibilita que nosso crespinho natural fique solto, com os cachos definidos e volume na medida certa!

Existe uma grande variedade do produto no mercado, e você pode encontrá-lo com diferentes consistências – de cremosa a líquida.

O segredo do leave-in é descobrir a consistência certa para seu cabelo e a qual a quantidade que deve usar todos os dias (portanto, não tenha medo de experimentar vários produtos).

Além disso, analise os ingredientes contidos na fórmula. Sempre dou preferência aos que contém maior quantidade de produtos naturais como óleos de abacate, jojoba, coco, vitaminas A e E, óleos essenciais e queratina.

Já experimentei as versões líquidas, mas não deram certo. Para meu cabelo, o mais indicado são os de consistência cremosa.

Cuidados

Como o leave-in forma uma película protetora ao redor dos fios, é bom evitar o contato do creme com o couro cabeludo, para não provocar o aumento de sebo.

Quem tem cabelo crespo natural, pode aplicá-lo em toda a extensão do fio, uma vez que é um tipo de cabelo que fica mais ressecado.

Se seu cabelo está com química, cuidado com os de consistência muito cremosa, que podem deixar os fios oleosos.

As meninas que estão na fase de transição da química para o crespo natural talvez precisem usar dois tipos de leave-in: um para atender as necessidades da parte crespa, e outro para a parte com a química.

Quando for passar o produto na parte da frente do cabelo, tome cuidado para não deixar resíduo do creme na testa (isto também vale para silicone, pomadas, óleos).

Esta região pode ficar com excesso de oleosidade e, com isso, vão aparecer espinhas. Para reduzir este risco, depois de usar o leave-in, passo loção adstringente (uso o Deep Clean da Neutrogena) com um pedaço de algodão, retirando qualquer restinho do produto que tenha ficado na minha testa.  Depois passo o filtro solar e hidratante.    

Mais uma coisa: umedeça sempre o cabelo antes de passar o leave-in.  Esta é a melhor forma de garantir todos os benefícios do produto.

4 Comments to “Diferença entre leave-in e creme para pentear”

  1. Mariangela Miguel disse:

    Oi, Fabiana
    Preciso saber um pouco mais sobre seu cabelo para indicar o leave-in. Ele é crespo natural ou tem alguma química?
    Abs

  2. Fabiana disse:

    Me indica um leave-in

  3. Karina disse:

    Oi gente!!! tenho algo a propor, que tal uma materia sobre Modeladores de Cachos (em Creme) aqui no blog, eu tenho algumas duvidas sobre o tema e gostaria de saber mais sobre o assunto. Va-lá Mariangela, dé uma força pra quem ñ entende nada de Modeladores em creme como eu (rsrsrs).

  4. Amanda Kreves disse:

    Como eu disse no outro post, eu estou retirando a química dos cabelos então estou investindo na linha Nutrisedutcion da Alfaparf, em especial sobre o post (leave-in) o Sublime Sorbet, é um achado mesmo, na fórmula com Extrato de Orquídeas e lipoaminoácidos ele condiciona e suaviza os cabelos, fica muito mais fácil de modelar e garante o efeito anti-frizz bem duradouro, além de ser ideal para controlar o volume criando ondas resistentes e definidas. Adorei!

Leave a Reply

(required)

(required)